sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada | Editora Rocco | Texto por Rafa Vieira e Gih Medeiros

No post de hoje, Rafa Vieira e Gih Medeiros compartilham impressões sobre o lançamento Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, publicado pela Editora Rocco.


Rafa Vieira

Eu estava ansiosa pelo lançamento desse livro, olhava sem parar os sites e livrarias, até que o dia em que finalmente chegou e eu puder ter o meu exemplar! Li em um dia, não parava de ler, era como se eu devorasse as páginas ao invés de lê-las!

Todo livro tem um lado bom e um lado ruim, nem tudo é perfeito, e não seria a série Harry Potter diferente. O livro não é contado da forma como estamos acostumados, ele é um roteiro, fala por fala, com descrição de cenas, vozes, barulhos e muito mais. Talvez por ser assim, o livro é um pouco demorado para ler, não parece fluído, quando estamos entrando no clima de uma parte, o livro vai e troca para outra totalmente diferente, e isso pode nos confundir, até entendermos um pouco a história geral que está acontecendo.

Em Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, os personagens estão mais velhos, casados e com filhos, mas suas personalidades já conhecidas ainda estão vivas. O personagem que mais gosto - além de Harry - é Rony Weasley, que mesmo com o tempo ele ainda mantém os traços daquele garoto atrapalhado e engraçado. A personagem que achei que mudou muito foi Gina. Com o tempo - e isso é óbvio - ela amadureceu demais, deixando de lado aquela menina medrosa e deslumbrada dos primeiros livros, e passou a ser mais forte, e tornou-se uma mãe dedicada e fiel ao seu marido Harry. 

O livro sem dúvida me passou uma mensagem muito importante, que não podemos destruir uma amizade por bobagens, por pressão dos outros, porque fulano não gosta do fulano, e que o que é pra ser vai ser. Devemos passar por tudo nessa vida para que nos tornemos pessoas melhores e que por mais vontade que tenhamos de mudar o passado ele foi essencial para o nosso presente, e é claro, para o nosso futuro. Talvez, se mudássemos algo ou não passássemos por metade do que passamos nossa vida poderia ser pior, pois não teríamos aprendido com os nossos erros.

Adorei o livro, apesar das mudanças bruscas de tempo, passado e presente se confundindo um pouco, mas, como amo Harry Potter, não poderia deixar de gostar desse livro!

Pra quem já leu, espero que tenha gostado tanto quanto eu, e para aqueles que ainda não leram, não percam tempo, leiam, porque vai ser uma ótima exériência! Boa leitura!!! <3



Gih Medeiros

Alguns fatos sobre a Saga Harry Potter:

- Harry Potter e a Criança Amaldiçoada não é o oitavo livro da série (como alardeado inicialmente por alguns desavisados e por marketeiros de plantão), na verdade trata-se de um texto dramático (roteiro de teatro) e não de um romance em prosa (como os outros livros de Harry Potter), escrito por  John Tiffany e Jack Thorne. Apenas o argumento foi escrito por J. K. Rowling. Mas o texto foi livremente inspirado na obra de J. K. e dá sequência aos acontecimentos descritos no último livro da saga, Harry Potter e as Relíquias da Morte.

- Filho de peixe, peixinho é: De acordo com essa história, isso não é bem verdade. A começar, temos uma (impensável para os fás mais árduos) amizade entre um Potter e um Malfoy - os herdeiros das respectivas famílias, tornam-se parceiros desde o início e são eles os grandes protagonistas do enredo - inclusive de acordo com a crítica, Scorpio Malfoy é um dos melhores personagens da trama - mas talvez a única coisa em comum com os seus pais, seja uma certa propensão para ignorar as regras. E o mais importante, é que durante todo o desenrolar dos fatos, as motivações que os levam a tais atitudes são bem diferentes das motivações que levaram seus pais a agir no passado, mostrando aqui que Alvo e Scorpio possuem personalidades distintas e singulares.

- Redenção: uma das situações que mais marcou os fãs da série, com certeza foram as mudanças de paradigma com relação a Severo Snape, que passou de odiado a adorado no mundo todo. Mas, outro personagem que também acabou mudando e modificando a visão dos leitores durante a saga, foi Draco Malfoy, mas sempre ficou aquele sentimento de que ainda faltava algo a ele e a sua jornada. Aqui, Draco finalmente recebe a oportunidade de redenção que esperávamos, e isso se dá através de uma vertente que não se imaginava: Draco é um bom pai. Tanto, que Sorpio é um dos personagens mais marcantes desse novo enredo.

- Familiaridades: os autores da peça foram assertivos ao aproveitarem alguns dos elementos mais importantes da saga, como a amizade incondicional, o altruísmo que move o verdadeiro herói que há dentro de cada um, a capacidade de perdão para os que nos amam mas nem sempre nos compreendem e tantos outros ensinamentos que J. K. nos legou. Para o leitor atento, Harry Potter vai muito além de uma história de fantasia sobre um jovem órfão bruxo e em Harry Potter e a Criança Amaldiçoada, isso pode ser comprovado, pois influenciados pela magia de J. K., John e Jack mostram que ainda há muito a ser contado sobre esse universo e seus personagens inesquecíveis, que apesar de viverem em uma dimensão fictícia, muito tem em comum com o ser humano real.


Harry Potter e a criança amaldiçoada
Editora Rocco

A oitava história. Dezenove anos depois.

Baseada numa história original inédita escrita por J. K. Rowling, Jack Thorne e John Tiffany, Harry Potter e a criança amaldiçoada, uma peça de Jack Thorne, estreou em Londres no dia 30 de julho de 2016 e sai em livro no Brasil no dia 31 de outubro, pela Rocco, com tiragem inicial de 500 mil exemplares.

A edição especial de roteiro de ensaio de Harry Potter e a criança amaldiçoada chega às livrarias brasileiras nas versões brochura e capa dura, ambas em papel off-white, seguindo o padrão das edições britânicas. Maior fenômeno editorial de todos os tempos, a saga Harry Potter já vendeu mais de 450 milhões de exemplares em todo o mundo, distribuídos em mais de 200 territórios e traduzidos em 79 idiomas.

Sempre foi difícil ser Harry Potter e não é mais fácil agora que ele é um sobrecarregado funcionário do Ministério da Magia, marido e pai de três crianças em idade escolar. Enquanto Harry lida com um passado que se recusa a ficar para trás, seu filho mais novo,  Alvo, deve lutar com o peso de um legado de família que ele nunca quis. À medida que passado e presente se fundem de forma ameaçadora, ambos, pai e filho, aprendem uma incômoda verdade: às vezes as trevas vêm de lugares inesperados.

O e-book em português é publicado pelo Pottermore, responsável pela edição digital de Harry Potter e o Mundo Mágico de J.K. Rowling em todo o mundo, simultaneamente à edição impressa em português da Rocco.

Be First to Post Comment !
Postar um comentário