sábado, 11 de junho de 2016

Snoopy e o Dia dos Namorados


Então, pra quase-terminar nosso especial-do-amor, nada como um pouco de realidade :D


Lucy - Semana que vem é dia dos namorados... Você vai me dar um cartão de presente?...
Schroeder - Eu nunca te dei antes... Por que você acha que eu lhe daria um nesse ano?
Lucy - COMO?!


Charlie Brown - Não é lindo esse cartão do dia dos namorados? Tá escrito eu te amo. Acho que vou dá-lo pra menininha ruiva...
Sally - Ela vai rir na sua cara.
Charlie Brown - Pelo menos vou estar perto dela...


Charlie Brown - Sim, senhora. Eu quero uma caixa de bombons pra uma menina que nem sabe que eu existo... Não, senhora. Nada que seja muito caro... Eu nunca vou ter coragem de entregar a ela mesmo...


Lucy - Você está sendo ridículo, Charlie Brown.
Charlie Brown - Não dá pra evitar! Eu não posso simplesmente chegar pra menininha ruiva e falar com ela. Ela tem um rosto muito bonito, e rostos bonitos me deixam nervoso!
Lucy - Como é que o meu rosto não deixa você nervoso, ãh?!? Você consegue falar comigo e eu tenho um rosto bonito! Como é que você fala comigo?...


Lucy - Pois não?
Charlie Brown - A senhora cura solidão?
Lucy - Por cinco centavos, curo qualquer coisa!
Charlie Brown - ... pode curar tristeza, falta de luz no fim do túnel, falta de esperança, fim do mundo, nada mais é importante...
Lucy - POR CINCO CENTAVOS?!


Charlie Brown - Bom, eu finalmente consegui coragem pra ligar pra menininha ruiva, só que liguei pra Marcie, por engano, e agora tenho um encontro com a Patty Pimentinha.
Sally - Acho que você está muito indeciso, irmão...
Charlie Brown - Não deixa de ser uma arte...


Outros episódios do amor:

Não há tempo para o amor, Charlie Brown, com destaque para uma bela reflexão da Patty Pimentinha sobre os dramas da vida:

Patty - ... ainda temos mais três meses de aula... Haverá mais estudo, mais teste, mais aula, mais agonia! Como alguém pode se apaixonar com essas coisas chatas acontecendo?! Teste pra fazer, redação pra escrever... coisas bobas! Não há tempo pro amor, Minduim...

Acho que concordamos com você, Patty... 
Ou não?
:)


 
Um comentário on "Snoopy e o Dia dos Namorados"