sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Retrospectiva FLIP 2017 - Por Mich Fraga

 
A Festa Internacional de Paraty teve sua 15° edição entre os dias 25 à 30 de julho. A FLIP é a festa literária pioneira que impulsionou o surgimento de diversas festas e feiras literárias que vem acontecendo no Brasil.

Neste ano de 2017 o autor homenageado da vez foi o carioca Lima Barreto e essa edição trouxe o debate da trajetória de um homem que se estabeleceu como escritor no Rio de Janeiro, que na época era a capital do país, grande centro da cultura literária do país. Em um meio marcado pela divisão de classes e pela influência das belas letras europeias, era difícil para um autor brasileiro negro e pobre afirmar o seu valor. Foram necessárias muitos anos para que Lima se consolidasse como criador de uma das obras mais plurais e inovadoras da literatura brasileira.

 
A abertura maestral da festa ficou por conta da historiadora Lilia Shwarcz e do ator e escritor Lázaro Ramos que fizeram um panorama da vida de Lima Barreto entercalado com interpretações emocionantes de textos do autor homenageado.

No vídeo abaixo eu fiz um rápido tour pela Flip e filmei parte da palestra intitulada "Um triste visionário" em que a historiadora e o ator debateram temas presentes na obra de Lima Barreto. Confiram!


Continuando nossa retrospectiva, gravei um segundo vídeo trazendo um tour mais detalhado das palestras mais marcantes da Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP). Autores como Lázaro Ramos e a portuguesa Joana Henriques e os professores Antonio Prado e Luciana Hidalgo debatem temas muito presentes na obra de Lima Barreto, autor homenageado, e que permanecem muito atuais.


Confira a segunda parte da cobertura deste evento:



E você, já participou de alguma edição da FLIP? Não esqueça de deixar seu comentário.

Beijos e até a próxima.
Mich.

Be First to Post Comment !
Postar um comentário